A animação musical “Trolls” levou 354 mil pessoas aos cinemas em seu fim de semana de estreia no Brasil. O resultado rendeu ao filme a liderança do ranking de bilheterias do país, posição que há duas semanas era ocupada pelo suspense “Inferno”.
Inspirada em bonecos que se popularizaram no Brasil entre as décadas de 1970 e 90, a produção da Dreamworks arrecadou R$ 5,6 milhões entre a última quinta-feira (27) e este domingo (30).
“Inferno”, mais uma adaptação da obra de Dan Brown estrelada por Tom Hanks, ocupa agora a segunda colocação, com 245 mil espectadores no fim de semana e um faturamento de R$ 4 milhões – uma queda de 32% em relação à semana anterior, quando o longa atingiu os R$ 5,8 milhões.
A lista segue com “A garota do trem” (R$ 2,8 milhões), “O contador” (R$ 2,7 milhões), “O lar das crianças peculiares” (R$ 1,2 milhão), “Ouija – A origem do mal” (R$ 1,2 milhão), “É fada” (R$ 1,1 milhão), “O Shaolin do sertão” (R$ 1,1 milhão), “Tô ryca” (463 mil) e “Fora do rumo” (R$ 341 mil).
Bilheteria nos EUA
Nos Estados Unidos e Canadá, “Inferno” estreou neste fim de semana e decepcionou, com uma arrecadação de US$ 15 milhões. O valor representa apenas um terço dos US$ 46,2 milhões de “Anjos e demônios” em 2009. E está muito longe dos US$ 77,1 milhões de “O código Da Vinci”, em 2006.
“Boo! A Madea Halloween”, da Lionsgate, ficou em primeiro lugar pelo segundo fim de semana consecutivo na América do Norte, arrecadando US$ 16,7 milhões neste fim de semana, totalizando até aqui US$ 52 milhões.