Sinopse: Presidente da Lucasfilm, Kathleen Kennedy confirmou aquilo que muitos já esperavam: Rogue One – Uma História Star Wars não terá sequência. “Acho que é isso que o torna tão excitante. Você pode investir nessa trama sem se preocupar com certos compromissos. Tudo pode acontecer”, contou a produtora para a revista Empire.

Esta informação faz sentido. Afinal, todo mundo sabe que Jyn Erso (Felicity Jones) reúne uma equipe para tentar roubar o esquema de construção da Estrela da Morte, arma de destruição em massa do Império Galático em Rogue One. E estes planos são aqueles que Leia (Carrie Fisher) entrega para R2-D2 em Star Wars: Episódio IV – Uma Nova Esperança.

Por sua vez, o supervisor de efeitos especiais John Knoll revelou que pode surgir uma espécie de “continuação espiritual”. Ou seja, Rogue One pode incentivar a criação de outros filmes autônomos que formam parte do universo Star Wars. Vale lembrar que as produções de dois spin-offs já foram confirmados – um deles, o longa sobre o jovem Han Solo.

Com Forest Whitaker, Diego Luna, Riz Ahmed, Donnie Yen, Jiang Wen, Mads Mikkelsen e Ben Mendelsohn, Rogue One – Uma História Star Wars chega aos cinemas no dia 15 de dezembro.