Sinopse: Um ano depois da edição do Oscar sem um único ator, atriz ou diretor negro entre os indicados, a próxima edição dos prêmios da Academia promete ser muito diferente. 2016 trouxe uma série de filmes abordando direta ou indiretamente a questão da raça, tendo atores negros nos papéis principais.

Felizmente, de acordo com a imprensa, são filmes muito bons: Moonlight, Fences, Loving e Estrelas Além do Tempo receberam ótimas críticas e despontam como favoritos ao próximo Oscar. Alguns atores negros em papéis secundários, como Gugu Mbatha-Raw em Armas na Mesa, também despertaram comentários positivos.

Agora, o BFCC (Black Film Critics Circle) acaba de divulgar o seu prêmio anual. Vale destacar que o nome da associação, em inglês, é ambíguo, já que o termo “negro” pode designar tanto os críticos quanto os filmes. O site da associação mantém a ambiguidade, sublinhando a importância da representatividade negra no cinema e na imprensa.

O principal vencedor do ano foi Moonlight, drama sobre um garoto negro, pobre e homossexual. Fences, adaptado da premiada peça de teatro, também levou diversos prêmios. Curiosamente, Estrelas Além do Tempo ficou de fora. Veja a lista completa de vencedores:

Melhor filme: Moonlight
Melhor diretor: Barry Jenkins, Moonlight
Melhor ator: Denzel Washington, Fences
Melhor atriz: Ruth Negga, Loving
Melhor ator coadjuvante: Mahershala Ali, Moonlight
Melhor atriz coadjuvante: Viola Davis, Fences
Melhor elenco: Fences
Melhor roteiro original: Barry Jenkins, Moonlight
Melhor roteiro adaptado: August Wilson, Fences
Melhor direção de fotografia: James Laxton, Moonlight
Melhor filme estrangeiro: Elle
Melhor documentário: A 13ª Emenda
Melhor animação: Zootopia – Essa Cidade é o Bicho