J.K. Rowling segue de cabeça no universo de Harry Potter. E assim será durante anos, décadas, administrando tudo o que construiu desde o lançamento de “Harry Potter e a Pedra Filosofal”, há quase 20 anos. Porém, a autora conta que uma etapa desse grande capítulo de sua vida chegou ao fim. “A Criança Amaldiçoada” é a última história que escreveu sobre o famoso bruxo.

J.K. Rowling
“Ele segue em uma grande jornada nessas duas peças, então, sim, acho que acabamos. Essa é uma nova geração, sabe… Por isso eu estou emocionada de ver que [a peça] foi realizada tão belamente. Mas não, agora Harry acabou”, disse J.K. Rowling, em entrevista à Reuters, referindo-se à peça “Harry Potter and the Cursed Child” e ao livro homônimo que está sendo lançado, baseado no texto do espetáculo.
J.K. Rowling conta que já não tinha intenção de escrever mais histórias para Harry Potter. Porém, aceitou o convite por causa da visão do espetáculo, produzido por Sonia Friedman e roteirizado por Jack Thorne e John Tiffany. “Soava perfeitamente com o material que eu tinha sobre a próxima geração e eu pude ver que funcionaria perfeitamente”, disse ela, que acreditou dar “algo especial” aos Potterheads ao escrever essa nova — e última — história.

A edição brasileira de “Harry Potter e a Criança Amaldiçoada” chega ao Brasil no dia 31 de outubro, pela Editora Rocco. Um filme também é esperado, desde que a Warner Bros. registrou a marca. Enquanto isso, uma nova adaptação da franquia será lançada em breve: Animais Fantásticos e Onde Habitam, com direção de David Yates e estreia marcada para o dia 17 de novembro.