O 24º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade ainda tem sessões até o dia 20 de novembro, mas com o fim das mostras competitivas, foram anunciados os vencedores desta edição.

Waiting For B., documentário sobre adolescentes que passaram dois meses acampados esperando pelo show da Beyoncé, foi eleito o melhor filme brasileiro de acordo com o júri oficial. Leia a nossa crítica.

Já o público escolheu outro documentário, Entre os Homens de Bem, que narra a batalha do deputado Jean Wyllys contra as pautas conversadoras da bancada evangélica no Congresso Nacional. Leia a crítica.

Confira a lista completa de vencedores:

Longas-metragens
Melhor filme nacional: Waiting For B.
Melhor direção: Cláudia Priscilla e Pedro Marques, A Destruição de Bernardet
Melhor roteiro: Carlos Juliano Barros e Maurício Monteiro Filho, Entre os Homens de Bem
Melhor interpretação: Jean-Claude Bernardet, A Destruição de Bernardet
Menção honrosa: Lampião da Esquina
Prêmio do público para filme nacional: Entre os Homens de Bem
Prêmio do público para filme estrangeiro: Strike a Pose

Curtas-metragens
Melhor filme nacional: Os Cuidados que se Tem Com os Cuidados que os Outros Devem Ter Consigo Mesmos
Melhor direção: Filipe Matzembacher e Márcio Reolon, O Último Dia Antes de Zanzibar
Melhor roteiro: Daniel Ribeiro e Rafael Lessa, Love Snaps
Melhor interpretação: Maria Alice Vergueiro, Rosinha
Prêmio do público para filme nacional: A Gis
Prêmio do público para filme estrangeiro: Trouser Bar

Prêmios especiais
Prêmio Suzy Capó: peça A Anatomia do Fauno
Prêmio Canal Brasil de curta-metragem: A Piscina
Prêmio Show do Gongo: O Que Não Der na Kombi, Eu Boto Fogo
Menção honrosa do Show do Gongo: Como Construir uma Carreira de Acrobata Gospel de Sucesso
Prêmio Ida Feldman: Murray Bartlett