Apesar de todas as polêmicas, é seguro dizer que a carreira de Charlie Sheen tem vários sucessos de público. Um deles é Garra de Campeões, comédia popular nos Estados Unidos – afinal, se trata de um esporte querido nacionalmente: beisebol.

O filme ganhou duas sequências – Um Time Muito Louco (1994) e Um Time Muito Louco Contra-Ataca (1998) -, mas o ator acredita que está na hora de continuar a franquia. Tanto que David S. Ward (roteirista e diretor do original) já tem a história pronta!

“Meu personagem, Vaughn, se tornou vendedor de carros. Até que aparece uma de suas ex-namoradas, com quem ele teve um relacionamento duas décadas atrás. E ela tem um filho de 20 anos, que joga no The Cleveland Indians. Mas ele não gosta de mim. Além de encerrar nossa história, o roteiro passa o bastão para a próxima geração”, contou Sheen em entrevista para o THR.

Segundo ele, outros atores do filme original como Tom Berenger, Corbin Bernsen e Wesley Snipes toparam participar do projeto, que teria classificação Rated R (proibido para menores de 16 anos no Brasil).

Até o momento, Morgan Creek Productions possui os direitos sobre a franquia, mas ainda não mostrou interesse na produção. Mas Charlie Sheen segue esperançoso: “Tenho certeza que há uma forma deles se envolverem. O roteiro é muito bom e é fácil de filmar. É o melhor de David S. Ward. Nós podíamos começar os trabalhos amanhã!”