No fim de semana, em meio às festas de fim de ano, alguns Amigos do AdoroCinema resolveram ir ao cinema para conferir Até que a Sorte nos Separe 3. Na terceira trama, Tino acaba levando o Brasil à falência, e tem que lidar com várias personalidades políticas, inclusive a presidenta Dilma. O resultado não foi muito encorajador: apesar de algumas risadas garantidas, os blogueiros concordam que a fórmula se esgotou.

A nota média dos nossos parceiros foi de 2,3/5, próxima à nota de 2/5 da crítica do AdoroCinema. Você concorda com eles? Gosta do humor de Leandro Hassum? Não deixe de publicar a sua própria opinião na página do filme.

Tem um Coelho no Cinema: “Souberam colocar bons momentos risíveis para divertir e agradar, ou seja, ainda não é uma obra-prima da comédia, mas faz a plateia rir muito com a maioria das cenas, mesmo que pra isso necessite apelar em alguns momentos”. Leia a crítica completa, escrita por Fernando Coelho. Nota: 3,5/5.

Esporte Nerd: “As atuações incomodam um pouco, principalmente da Camila Morgado […] Um filme fraco como a maioria das últimas comédias brasileiras lançadas, a diferença é que ele foi melhor que o segundo”. Leia a crítica completa, escrita por Jefferson Nicacio. Nota: 2,5/5.

Has Tela Vista: “Com um roteiro pouco inspirado e uma trama enfadonha, Até Que A Sorte Nos Separe 3 conta apenas com o humor natural de Leandro Hassum para se sustentar. Todos os risos são por sua conta, mas, não é suficiente para justificar a existência do filme…” Leia a crítica completa, escrita por Cleber Gio. Nota: 1/5.